web dia.biblioteca out18
Alunos e professores do pré-escolar e dos primeiro e segundo anos do ensino básico, bem como os da sala de ensino estruturado da Escola Portuguesa de Moçambique – Centro de Ensino e Língua Portuguesa (EPM-CELP), participam, desde esta manhã, nas comemorações do Dia da Biblioteca Escolar, hoje assinalado, onde a fantasia do filme de animação "Os Fantásticos Livros Voadores" e música de piano uniram paixões em torno do livro e da leitura.

Na receção aos alunos do ensino estruturado, sensivelmente a meio do dia, Ana Paula Relvas, coordenadora da Biblioteca Escolar José Craveirinha (BEJC), começou por explicar a história do filme, a que se seguiu a sua exibição e contextualização no âmbito do significado da efeméride. Terminada a projeção da animação, a conversa focou-se nos cuidados que os petizes devem ter com os livros. Alguns, eufóricos, enumeraram espontaneamente os principais cuidados, com o destaque para o de “não escrever desenhos nos livros”.

web cartaz.diabiblioteca out18Seguiu-se um momento de audição ativa da música, orientado no piano por Leandra Reis, professora de Educação Musical, que desafiou os alunos a entrarem no ritmo da música, associando a linguagem corporal à intensidade musical: “quando a música estiver rápida, vocês também devem ser rápidos. Quando estiver lenta, então também devem ser lentos. E quando pára, ninguém se mexe”, instruiu a professora.

De acordo com a sinopse oficial da película Os Fantásticos Livros Voadores, “a história, em vez de retratar a destruição provocada pelo furacão Katrina, que arrasou áreas inteiras dos estados da Flórida, de Nova Orleans, do Alabama, do Mississipi e do Louisiana, em agosto de 2005, procura dar uma perspetiva positiva, mostrando, simbolicamente, o senhor Lessmore sendo encaminhado para um mundo onde os livros têm vida, oferecendo, cada um deles, uma história diferente que leva, através das suas páginas, a viagens fantásticas. A fantasia encontra-se, assim, com a paixão pela leitura. O Senhor Morris Lessmore passa, então, a viver no mundo fantástico em que os livros fazem com que a destruição ao seu redor seja menos intensa e se torne menos importante do que a viagem maravilhosa que a literatura lhe proporciona, através do prazer de ler e de escrever.”

Tal como nas edições anteriores, a comemoração do Dia da Biblioteca Escolar é promovida, conjuntamente, pela Biblioteca Escolar José Craveirinha e grupo disciplinar de Educação Musical, uma vez que o Mês da Música também é celebrado em outubro.

Comentar


Código de segurança
Atualizar

jornalarte quad

pontalingua quad

Logo UPA

despesc

Topo